Ir direto para menu de acessibilidade.
Página inicial > Projetos
Início do conteúdo da página

Projetos de pesquisa e inovação

Imprimir
Publicado: Domingo, 19 de Maio de 2019, 10h46
  • Orientações para Cadastro de Projeto de Pesquisa na UFPI/PROPESQ/CPESI

 Resolução 053/2017, de 5 de abril de 2017, regulamenta o cadastro de Projeto de Pesquisa Científica e Tecnológica.

I. Projetos a serem cadastrados na página da CPESI

A solicitação de cadastro deverá ser feita por meio do Protocolo Geral, mediante processo instruído com os seguintes documentos, conforme Resolução 053/2017:

 a) Para cadastramento de projeto não financiado:

1. Art. 1º § 1ª: parecer(es) do(s) relator(es) do projeto;

2. Art. 1º § 1º Alínea “a”: solicitação de cadastro do projeto;

3. Art. 2º § 1º Alínea “b”: cópia do projeto;

4. Art. 2º § 1º Alínea “c”: declaração de aprovação do órgão competente;

5. Art. 2º § 1º Alínea “d”: autorizações legais para execução de atividades de pesquisa, tais como CEP, e/ou CEEA, e/ou SisGen, e/ou Sisbio etc, se for o caso;

6. Art. 2º § 1º Alínea “e”: ficha cadastral do projeto.

b) Para cadastrameno de projeto financiado:

1. Art. 1º § 1º Alínea “a”: solicitação de cadastro do projeto;

2. Art. 2º § 1º Alínea “b”: cópia do projeto;

3. Art. 2º § 1º Alínea “c”: termo de concessão de financiamento de agência de fomento;

4. Art. 2º § 1º Alínea “d”: autorizações legais para execução de atividades de pesquisa, tais como CEP, e/ou CEEA, e/ou SisGen, e/ou Sisbio etc;

5. Art. 2º § 1º Alínea “e”: ficha cadastral do projeto.

II. Projetos a serem submetidos aos editais de iniciação científica, tais como PIBIC e PIBIC-Af, PIBIC-Em, ICV, PIBITI, ITV

Estes projetos terão vigência de 12 meses, e estão dispensados de envio à CPESI. O cadastro dar-se-á eletronicamente no Módulo de Pesquisa/SIGAA. A documentação que deverá ser anexada é a seguinte:

a) Projeto não financiado:

1. Art. 1º § 1ª: parecer(es) do(s) relator(es) do projeto;

2. Art. 2º § 1º Alínea “b”: cópia do projeto;

3. Art. 2º § 1º Alínea “c”: declaração de aprovação do órgão competente;

4. Art. 2º § 1º Alínea “d”: autorizações legais para execução de atividades de pesquisa, tais como CEP, e/ou CEEA, e/ou SisGen, e/ou Sisbio etc, se for o caso;

b) Projeto financiado:

1. Art. 2º § 1º Alínea “b”: cópia do projeto;

2. Art. 2º § 1º Alínea “c”: termo de concessão de financiamento de agência de fomento;

3. Art. 2º § 1º Alínea “d”: autorizações legais para execução de atividades de pesquisa, tais como CEP, e/ou CEEA, e/ou SisGen, e/ou Sisbio etc;

1. Como proceder quando o professor muda de vinculação e quer continuar desenvolvendo o projeto cadastrado da vinculação antiga?

Encaminhar a Coordenação de Pesquisa e Inovação - CPESI processo com os seguintes documentos:

  • Memorando solicitando a mudança de vinculação do projeto, identificando o título e o número de cadastro do projeto na CPESI;
  • Declaração de aprovação do projeto no novo órgão de vinculação.

2. Como solicitar prorrogação de vigência de um projeto cadastrado na Coordenadoria de Pesquisa e Inovação - CPESI?

Encaminhar a CPESI processo instruído com os seguintes documentos:

  • Memorando solicitando a prorrogação de vigência do projeto, identificando: o título do projeto, o número de cadastro na CPESI e a nova vigência;
  • Declaração do chefe da instância de vinculação do projeto aprovando a nova vigência.

3. O professor que não é o coordenador de projeto de pesquisa cadastrado na CPESI pode submeter proposta em editais de Iniciação Científica?

Sim, desde que elabore um subprojeto de um projeto macro do qual faça parte como colaborador, e que, além disso, atenda os requisitos de orientador previstos em edital.

Fim do conteúdo da página