Ir direto para menu de acessibilidade.
Página inicial > Últimas Notícias - UFPI > UFPI empossa 10 novos servidores
Início do conteúdo da página

II Simpósio de Educação Continuada em Saúde Pública da Fiocruz PI é realizado em Teresina

Imprimir
Publicado: Terça, 10 de Dezembro de 2019, 16h10

FIOCRUZ PI 2019-12.jpg

Foi realizada na tarde da segunda (9), o II Simpósio de Educação Continuada em Saúde Pública, que trouxe como tema Fiocruz Piauí: ensino e pesquisa na formação de agentes promotores de saúde única. A atividade ocorreu no Auditório do Ministério da Saúde, no centro de Teresina.A proposta do evento foi fortalecer o papel estratégico da Fiocruz no estado e promover uma discussão sobre saúde única com a comunidade acadêmica e parceiros da instituição.

 

FIOCRUZ PI 2019-5.jpg

Mesa de honra da solenidade

Participaram da mesa de abertura do evento a presidente da Fundação Oswaldo Cruz, Dra. Nísia Trindade; a coordenadora-geral da Fiocruz Piauí, Dra. Jacenir Mallet; a diretora da Fiocruz Brasília, Dra. Fabiana Damásio; a vice-reitora da UFPI, Profa. Dra. Nadir Nogueira; e o  coordenador-geral do Centro de Inteligência em Agravos Tropicais Emergentes e Negligenciados (CIATEN), Prof. Dr. Carlos Henrique Nery Costa.

 

FIOCRUZ PI 2019-22.jpg

Presidente da Fundação Oswaldo Cruz, Dra. Nísia Trindade

Em sua fala, a presidente da Fundação Oswaldo Cruz destacou o papel da instituição em contribuir com pesquisas que levam à melhora da saúde pública, que passa também pela capacitação de seus trabalhadores.

“Quero reafirmar a importância desse momento, ainda que, algumas vezes, as ações da Fiocruz não pareçam muito visíveis, seguimos dando passos importantes como a oferta da quinta turma de mestrado em Medicina Tropical, que permite ter mais estudantes envolvidos. Outro exemplo é o fato de estarmos envolvidos na Agenda 2030 do governo do estado, o que nos permite incluir mais pessoas em grupos de formação. Esperamos sair o mais breve possível dessa crise e possamos retomar projetos que nos levarão a construir um país mais soberano, mais justo e com menos desigualdades. Essa tarefa é de toda a sociedade.”, avaliou Nísia Trindade.  

FIOCRUZ PI 2019-18.jpg

Vice-reitora da UFPI, Profa. Dra. Nadir Nogueira 

 

A vice-reitora Nadir Nogueira lembrou, em seu discusso, que desde a instalação do escritório da Fiocruz no Piauí em 2013, a UFPI sempre foi parceira da instituição. “A UFPI sempre compreendeu a importância da Fiocruz na formação de agentes promotores, tema deste evento, e, além disso, por tudo que a instituição é capaz de fazer na inovação, na transferência de tecnologia, nessa grande responsabilidade na saúde no nosso País”, declarou.

 

FIOCRUZ PI 2019-26.jpgRoda Conversa Mulheres na Ciência

 

Como parte da programação do seminário, houve também a Roda de Conversa “ Mulheres na Ciência”, com a participação da presidente da Fiocruz; a coordenadora da Fiocruz PI; a vice-reitora da UFPI, e a médica da Fundação Municipal de Saúde de Teresina, Dra. Amparo Salmito. 

O debate abordou temas fundamentais às mulheres para ampliar a permanência feminina nas pesquisas, na ocupação de coordenações de grupos e em cargos da alta gestão das instituições, além da necessidade de corrigir distorções de salários femininos ainda menores do que os recebidos por homens ainda que elas tenham mais anos de estudo.

 

FIOCRUZ PI 2019-16.jpg

 

“Nós dificilmente alcançaremos os objetivos do desenvolvimento sustentável da agenda 2030 e nem superaremos as desigualdades sociais e regionais enquanto houver essa disparidade nas questões de gênero. A conquista desses 17 objetivos passam pela formação da mulher, pela capacidade da mulher e pela superação de realidades que ainda distanciam a atuação e o sucesso de homens em mulheres em suas carreiras na ciência”, finalizou.

 

Fim do conteúdo da página