Ir direto para menu de acessibilidade.
Página inicial > Últimas Notícias - Bom Jesus > Projetos de extensão da UFPI – Bom Jesus continuam com atividades remotas para minorar os efeitos da crise decorrente do Covid-19.
Início do conteúdo da página

Projetos de extensão da UFPI – Bom Jesus continuam com atividades remotas para minorar os efeitos da crise decorrente do Covid-19.

Imprimir
Publicado: Terça, 07 de Abril de 2020, 15h03

Diante do avanço da Pandemia causada pelo COVID 19, no Brasil, a UFPI decidiu suspender as atividades presenciais da extensão no dia 18/3, atendendo às recomendações da OMS e do comitê gestor de crise da universidade.

No entanto, a Pró-Reitoria de Extensão abriu possibilidade para que os/as coordenadores/as de projetos contemplados com o PIBEX estabelecessem um plano de trabalho à distância para os bolsistas, de modo a não interromper a remuneração dos mesmos e também permitir o avanço das ações de extensão importantes para o desenvolvimento e sustentabilidade das comunidades atendidas.

Sabemos que em tempos de pandemia a crise econômica e social refletem e aprofundam as crises na saúde, de tal modo, garantir o trabalho dos bolsistas, remotamente, contribui para que os mesmos não adentem no grupo de vulnerabilidade, não apenas porque garante melhores condições de reprodução material da vida, mas também porque a ocupação assistida pelos coordenadores de projeto ajuda os bolsistas a manterem a sanidade psíquica. Ademais, evitar a suspensão dos projetos de extensão, estabelecendo um plano de trabalho remoto, contribui para as comunidades envolvidas nas práticas de extensão sejam melhor atendidas em momentos futuros, recebendo da universidade apoio para que possam se reerguer no período pós-pandemia.

Este é o caso por exemplo dos projetos de apoio à organização produtiva das mulheres quebradeiras de coco de babaçu, que neste momento encontra-se dedicado a atividade de preparação das oficinas que serão futuramente ministradas junto à comunidade Sítio, apoiando as mulheres na adoção de boas práticas de manejo da palmeira e obtenção do óleo. É notório que o extrativismo do babaçu contribui com a economia das famílias camponesas, complementando sua renda e também a segurança e soberania alimentar dos/as consumidores/as.

No campus da UFPI em Bom Jesus, os seguintes projetos continuam com atividades remotas:

CENAS CAMPONESAS: TEATRO, FORMAÇÃO HUMANA E ORGANIZAÇÃO SOCIAL

 
 
 

AÇÕES DE SUSTENTABILIDADE E BOAS PRÁTICAS NA CADEIA PRODUTIVA DO COCO BABAÇU

 
 

PRÉ-ENEM POPULAR VALE DO GURGUÉIA

 
 
 
 

EDUCAÇÃO AMBIENTAL EM ESCOLAS E ASSENTAMENTOS RURAIS NO PIAUÍ. VAMOS APRENDER BRINCANDO?

 
 

INSETOS NA ESCOLA: UMA ABORDAGEM DIDÁTICA E EDUCATIVA

 
 

RECONHECER-SE: EXPEDIÇÃO DE CULTURA, ARTE E AGROECOLOGIA NO SUL DO PIAUÍ

 
 

PERDAS E DESPERDÍCIOS DE ALIMENTOS: TECNOLOGIAS PÓS-COLHEITA E EDUCAÇÃO DE PRODUTORES E CONSUMIDORES NA PREVENÇÃO E SEGURANÇA ALIMENTAR

 
 

UNIVERSIDADE POPULAR VALE DO GURGUÉIA (UPVG) - FASE II

 
 
 

FONTES RENOVÁVEIS DE ENERGIA PARA A PRODUÇÃO RURAL NA REGIÃO DE BOM JESUS-PI

 

AGROECOLOGIA E CARTOGRAFIA SOCIAL COMO ESTRATÉGIAS EDUCATIVAS AO USO DE AGROTÓXICOS NAS COMUNIDADES CAMPONESAS DO SUL DO PIAUÍ

 
 

CULTURA E POÉTICA AUDIOVISUAL NA COMUNIDADE BREJÃO DOS AIPINS

 

“PEQUENOS CONSCIENTES”

 

É fundamental salientar que a UFPI tem seguido rigorosamente as orientações de isolamento social, sem, no entanto, se isentar do compromisso em manter, remotamente  ou com o mínimo de contato possível, as atividades fundamentais de produção de conhecimento para o fortalecimento do país e das populações mais vulneráveis neste momento de crise.

Profa. Dra. Kelci Anne Pereira

Assessora de Extensão da UFPI-CPCE

 

Fim do conteúdo da página