Ir direto para menu de acessibilidade.
Página inicial > Últimas Notícias - Picos > Assessoria de Ensino realiza “I Encontro Pedagógico da UFPI/CSHNB”
Início do conteúdo da página

Convivência com animais em situação de abandono é tema de ciclo de palestras no Campus de Picos

Imprimir
Publicado: Quinta, 28 de Novembro de 2019, 10h23

O Campus Senador Helvídio Nunes de Barros (CSHNB) da Universidade Federal do Piauí (UFPI) realizou, na segunda-feira (25) e terça-feira (26), no auditório Severo Maria Eulálio, o I Ciclo de Palestras: a convivência com animais em situação de abandono e bem estar animal do CSHNB/UFPI.

Durante o primeiro dia de evento, foram compartilhados conhecimentos e experiências a respeito do tema com discussões que envolveram: os animais como sujeitos de direito; maus tratos com animais; doenças de cães e gatos, mitos e verdades sobre doenças zoonóticas; como conviver de forma harmoniosa com animais abandonados.

WhatsApp Image 2019-11-28 at 08.57.08.jpegAbertura do I Ciclo de Palestras: I Ciclo de Palestras: a convivência com animais em situação de abandono e bem estar animal do CSHNB/UFPI

Na terça-feira (26), com o propósito de garantir a saúde e sanidade dos animais e da população acadêmica do campus de Picos ocorreu atendimento veterinário dos animais residentes do CSHNB. De acordo com a professora do curso de Ciências Biológicas, Ana Carolina Landim Pacheco, “o abandono de animais é um problema comum em todas as cidades do Brasil e exatamente em espaços públicos as pessoas tendem a abandonar os animais porque tem aquele estigma de que ‘vão cuidar’ e isso acaba gerando um problema com a população acadêmica que convive no campus”, explica.

WhatsApp Image 2019-11-28 at 09.17.16 (1).jpegMédicos Veterinários Lisboa Júnior e Glayciane Bezerra de Moraes atendende a animais residentes no campus

A professora Ana Carolina destaca ainda a importância de debater a temática de convivência com animais em situação de abandono na universidade. “Trouxemos palestrantes capacitados, que trabalham com esse tipo de ação no estado do Ceará para promover o esclarecimento porque sabemos que a educação é libertadora, então se conseguirmos fazer com que as pessoas tenham conhecimento sobre a causa, conseguiremos agregar mais forças para ajudar essa população em abandono já que os animais não têm culpa”, explica.

Palestrante no encontro, o vice-presidente do Conselho Regional de Medicina Veterinária do Estado do Ceará (CRMV-CE), Dr. Daniel de Araújo Viana, destaca que “é importante e louvável a atitude da Universidade Federal do Piauí, campus Picos, de abraçar e fazer eventos desse tipo. Essa situação do abandono é algo que assola grande parte dos animais no país e crítica em diversos locais públicos e as universidades acabam sendo alvo disso, pois encarram como um ambiente saudável, onde há pessoas comprometidas com animais, com pessoas, com o conhecimento e isso faz muitas vezes com que essas áreas sejam ponto de abandono e não tem como fechar os olhos para uma situação como essa”, explica.

WhatsApp Image 2019-11-28 at 08.57.09.jpegVice-presidente do Conselho Regional de Medicina Veterinária do Estado do Ceará (CRMV-CE), Dr. Daniel de Araújo Viana

Sobre o papel do Conselho no I Ciclo de Palestras do CSHNB, Daniel de Araújo ressalta que é realizado um trabalho de perícia sobre maus tratos. “O abandono por si só já é um crime. Então acabamos vindo para ressaltar e reforçar essa ação, esclarecer a situação em relação aos crimes; trazer a informação e desmistificar muitas vezes informações que são erradas, que são passadas de forma sensacionalista sobre abandono, sobre os animais que precisam ou não de apoio e sobre a situação e atuação da sociedade como um todo em volta disso”, destaca

.WhatsApp Image 2019-11-28 at 08.58.17 (1).jpeg

Médica Veterinária, Glayciane Bezerra de Moraes palestrando no evento.

Convidada a contribuir com o evento, a Drª Glayciane Bezerra de Moraes, médica-veterinária e professora de Clínica Médica da Universidade Estadual do Ceará (UECE) compartilhou vivências referentes a temática como a implementação dos comitês gestores de bem-estar, amparo e controle populacional na Universidade.

“Temos um cenário de abandono muito parecido com o da Universidade aqui no Piauí. Na UECE temos um projeto que ampara os animais que se encontram em situação de abandono, que é coordenado por um comitê gestor, pela diretoria e reitoria em associação com uma ONG chamada “Grupo de Apoio ao Bem-estar Animal” e trabalhamos em medidas de conscientização e educação continuada quanto a guarda responsável, a criminalização do abandono, o aporte, suporte médico e nutricional dos animais que já se encontram em situação de abandono bem como o atendimento clínico desses animais”, finaliza.

WhatsApp Image 2019-11-28 at 08.57.14 (1).jpeg

Participantes do I Ciclo de Palestras: a convivência com animais em situação de abandono e bem estar animal do CSHNB/UFPI 

O I Ciclo de Palestras sobre Convivência com animais em situação de abandono também contou com a participação do médico veterinário com residência em Clínica e Cirurgia de cães e gatos, Francisco Lisboa de Sousa Júnior, e a advogada, Natália Gabriela Barros Leal.

 

Fim do conteúdo da página