Ir direto para menu de acessibilidade.
Página inicial > Últimas Notícias - UFPI > Andifes promove seminário "Ações Afirmativas: Avaliar para Avançar"
Início do conteúdo da página

Andifes promove seminário "Ações Afirmativas: Avaliar para Avançar"

Imprimir
Publicado: Quinta, 10 de Junho de 2021, 11h47

Captura_de_Tela_264.png

Na manhã desta quinta (10), foi realizado o seminário "Ações Afirmativas: Avaliar para Avançar", promovido pela Associação Nacional dos Dirigentes das Instituições Federais de Ensino Superior (Andifes), de forma remota, com transmissão pelo canal da Andifes no YouTube. O reitor da Universidade Federal do Piauí (UFPI), professor Gildásio Guedes, acompanhou o evento.

O seminário é o início de uma avaliação sobre os efeitos das políticas públicas de ações afirmativas, tendo como referência a Lei nº 12.711, de 2012, a chamada Lei de Cotas, com o objetivo de incentivar, não só as universidades federais, mas as organizações e a sociedade a debaterem a temática. Promulgada em 2012, a lei passará por uma revisão que pode extinguir as cotas em 2022.

Participaram do debate, a procuradora federal Deborah Duprat e a professora Nilma Lino Gomes (UFMG), além dos coordenadores do Colégio de Pró-reitores de Graduação das IFES (COGRAD), Colégio de Pró-reitores de Pesquisa, Pós-graduação e Inovação das IFES (COPROPI), Colégio de Pró-reitores de Extensão das IFES (COEX) e do Fórum Nacional de Pró-reitores de Assuntos Comunitários e Estudantis (Fonaprace).

O presidente da Andifes, professor Edward Madureira Brasil, reitor da Universidade Federal de Goiás (UFG), frisou o objetivo do evento, que é o de iniciar as discussões sobre a legislação das ações afirmativas, por meio da Lei 12.711/2012, que completará em 2022 sua primeira década de sancionada. “Damos início hoje na Andifes a um Seminário que esperamos ser motivacional para que todas as nossas universidades pautem essa discussão em suas instâncias e comunidades universitárias. Precisamos fazer um acúmulo grande, porque temos pela frente uma disputa para avançar nessa importante legislação que mudou, literalmente, toda a configuração das nossas universidades”, destacou.

A  professora Nilma Lino Gomes fez a palestra de abertura, que foi seguida por um debate com a intervenção dos reitores participantes. Logo após, os coordenadores dos Colégios de Pró-reitores de Graduação das IFES (COGRAD), de Pró-reitores de Pesquisa, Pós-graduação e Inovação das IFES (COPROPI), de Pró-reitores de Extensão das IFES (COEX) e do Fórum Nacional de Pró-reitores de Assuntos Comunitários e Estudantis (Fonaprace) apresentaram dados da das políticas públicas de ações afirmativas dentro de suas áreas de atuação.

As apresentações podem ser assistidas no canal da Andifes no YouTube, disponível aqui.

*Com informações da Andifes

Fim do conteúdo da página